Fone: +55 11 3031 0980|E-mail: contato@fitbank.com.br

Você já deve ter ouvido falar em ferramentas de gestão de meios de pagamentos – e, se não ouviu, é bom começar a pensar em promover uma revolução digital em sua empresa. Muitas vezes, os recursos tecnológicos e a automação já chegaram à produção propriamente dita, mas o gestor é reticente em incorporar tais instrumentos naquilo que é menos suscetível a erros: a gestão financeira. Um grande erro, que esperamos reduzir com este post.

Antes de mais nada, vamos entender como estes instrumentos funcionam.

O modelo “analógico” pressupõe uma pessoa (ou mais de uma) responsável pelo controle dos pagamentos: o recebimento de pedidos, a definição da forma de pagamento, a emissão do título e o controle dos recebíveis. Tudo isso exige uma engenharia complexa, sujeita a muitos erros que comprometem desde o caixa da empresa até a regularidade fiscal. Por isso, pensar em instrumentos que otimizem este sistema não é apenas uma economia de tempo, mas também de dinheiro.

Conhecer estes mecanismos pode dar mais fluidez e segurança para o roadmap de sua empresa, de modo a canalizar a energia do time para o que realmente importa: estratégias de captação de clientes, marketing, valorização do pessoal e ampliação dos resultados.

Dinheiro não é só nota

Já faz tempo que dinheiro e cédula não dividem o dicionário de sinônimos. Os pagamentos via cartão hoje já representam a maioria das transações e até a quitação de impostos é feita mediante programa de fidelidade. Quem usa aplicativos de serviços já abandonou até mesmo o cartão físico, no que chamamos de hide payment (pagamento escondido).

Por meio de uma empresas que façam esta intermediação, como o FitBank, sua empresa tem abertura com todas as instituições bancárias que recebem e liquidam pagamentos, com a transação totalmente conectada à informação, gerando uma conciliação praticamente Real Time. Obviamente, isto implica em maior controle financeiro solucionando uma das maiores dores de cabeça dos gestores financeiros.

Divisão organizada

Não existe nada mais confuso para um roadmap antiquado do que a divisão manual dos compromissos entre os fornecedores. Além da possibilidade de erro, sempre presente quando não se usa a tecnologia a seu favor, esta forma de dividir lucros e honrar pagamentos está cada vez mais em desuso.

Por meio do split de pagamentos, sobre o qual já falamos aqui, a divisão dos valores é feita de maneira automatizada, sem cobranças indesejadas e com total controle da gestão dos recursos.

O mesmo vale para as transações peer-to-peer (P2P), através das quais a transação é feita entre contas, sem a necessidade de intermediação bancária.

Líder em inovação no segmento das fintechs no Brasil, o FitBank gerencia sistemas de pagamento e outras soluções de tecnologia para a gestão financeira de sua empresa. Conheça mais os produtos por aqui e fique atento ao nosso radar com as novidades do mercado.

Se você quer saber mais sobre as soluções do FitBank para o seu negócio, entre em contato com um de nossos consultores em nossos canais de atendimento.

Cel (Whatsapp): 011 97709-1977

comercial@fitbank.com.br

 

Assine a newsletter do FitBank e fique por dentro das novidades do mercado financeiro e de tecnologia. É rapidinho.